7 de mar de 2017

OBS: o absurdo demasiado do assunto torna desnecessário (impossível) um título

Neste carnaval, a Prefeitura de São Paulo (PSDB) lançou uma campanha publicitária com o objetivo de evitar brigas (em prol da paz).
Nela, a culpa dos possíveis problemas recai na mulher.
Então, se o cara assediar a moça, ela deve, simplesmente, "levar na esportiva" e considerar o ato normal - e "se colocar no seu lugar, pois, vivemos em uma sociedade machista" -?
Eu não sei te responder.
A campanha recebeu inúmeras críticas, além (claro!) de não surtir efeito.
O Prefeito, Gari e utilidades mil, João Doria pediu desculpas pela "errônea interpretação da campanha".
Não desculpo o fato, nem a covardia de jogar a merda nas minhas costas.


Coluna nadacult, 1/3/17, jornal Folha da Manhã, Folha Dois, página 2.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Copyright © 2011 nadacult | Blogger Templates by Gô Maia Pluhar